O que é o conceito de empresas logtech?

O processo de logística é um dos mais desafiadores no Brasil, considerando o tamanho do país e a segurança. Por isso, loja de varejo e logística é uma combinação que não pode dar errado, pois é a organização logística que garante a felicidade do cliente. 

Pensando em melhorar a logística e torná-la mais eficiente, surgiram as logtechs, empresas focadas em fornecer facilidades tecnológicas para varejistas e outras empresas. 

O que é uma logtech?

A palavra “logtech” é a união de outras duas: logística e technology (tecnologia, em português). Uma logtech, seguindo essa linha de raciocínio, nada mais é do que uma empresa que oferece soluções tecnológicas para melhorar processos de logística. 

Empresas que utilizam a tecnologia para facilitar um processo do mundo físico estão cada vez mais em alta no mercado. Sendo a logística um mercado sempre em transformação, isso não seria diferente com ela. Por isso, a cada dia surgem mais empresas logtechs para oferecer serviços de facilitação de logística.  

No Brasil, a logística ainda tem desafios específicos, como a necessidade de um maior controle de trajeto e até a busca por medidas que agilizem o processo. Afinal, é um país de medidas continentais, o que exige soluções que vençam essa dificuldade territorial. 

As logtechs estão se tornando cada vez mais populares por facilitar não apenas o processo da varejista, mas também por dar mais transparência ao cliente. Isso porque ele consegue acompanhar de maneira mais clara todos os processos do seu pacote, tendo mais segurança no processo. 

O que esse formato oferece?

Afinal, quais são as soluções oferecidas? A logística conta com diferentes processos e organização e existem muitas tarefas que podem ser agilizadas com a tecnologia. 

Assim, é comum que uma logtech ofereça serviços focados em um ponto específico, mas não em outro. Um exemplo são as logtechs criadas para gerenciamento de estoque, mas que não acompanham o trajeto da entrega, e vice-versa. 

São muitas possibilidades de serviços existentes. As principais facilidades que uma logtech pode oferecer são:

  • maior controle de estoque;

  • mais organização de estoque; 

  • mais agilidade no processo de preparação;

  • mais agilidade no processo de embalo e verificação;

  • encontrar as melhores rotas de entrega;

  • acompanhamento mais seguro das rotas de entrega;

  • aumentar a agilidade de entrega para curtas e longas distâncias;

  • oferecer mais transparência no processo para os clientes;

  • tornar a experiência do cliente mais positiva.

Ou seja, uma empresa logtech é uma facilitadora para os varejistas. Assim, não substitui uma empresa de transporte e logística em si. 

Isso porque as empresas de transporte são as que fornecem caminhões, colaboradores e outros meios para que a logística seja feita. A logtech entra com a tecnologia para contribuir com o trabalho dessas pessoas. 

Benefícios de aderir a uma logtech

Os maiores benefícios de aderir a uma logtech são as novas facilidades que um software ou plataforma de logística pode trazer para o trabalho diário. Com mais agilidade, o trabalho como um todo fica muito mais fácil de ser executado e a qualidade do serviço do varejista aumenta. 

Todos esses pontos contribuem para que a varejista se destaque no mercado. Com clientes cada vez mais exigentes, garantir um frete mais rápido ou um acompanhamento mais transparente já são grandes diferenciais. 

Além disso, com uma logtech é possível trazer mais segurança para as rotas. Você sabia que o Brasil é o sexto colocado em um ranking mundial sobre roubo de cargas? Por isso, quanto maior o controle melhor. 

Com a tecnologia, é possível ter um rastreamento muito melhor e mais seguro, agilizar o processo de entrega mesmo em locais mais distantes, diminuir o valor do frete encontrando as melhores rotas, diminuir o tempo de entrega e muitos outros benefícios.

Compartilhe: